blog-030

A segurança no trânsito é um desafio global. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), 1,25 milhão de pessoas perdem a vida no trânsito, por ano, ao redor do mundo. Ações de diversos tipos estão em curso para alterar essa realidade.

Para discutir esse desafio e trocar experiências no campo da gestão e da inovação, o 4º Fórum Arteris de Segurança: Soluções de hoje para o trânsito de amanhã reúne, amanhã (05/09), em São Paulo, grandes empresas, órgãos públicos e especialistas do setor. Iniciativa promovida pelo Grupo Arteris desde 2014, o evento se propõe a construir e disponibilizar uma grande rede de conteúdos, boas práticas e de experiências. O objetivo é estimular futuras estratégias dos setores público e privado em prol da segurança no trânsito, no Brasil e no mundo.

Para enriquecer o debate entre os diferentes especialistas e convidados, será apresentada uma pesquisa inédita de observação sobre o comportamento de motoristas em rodovia. Os resultados obtidos no Brasil serão comparados com os dados coletados, a partir de um estudo semelhante realizado na França e na Espanha.

O bloco de experiências terá a participação de Nelson Bossolan, diretor-superintendente da Autopista Régis Bittencourt, que apresentará as ações que permitiram a redução progressiva de acidentes e fatalidades na rodovia. Silvia Lisboa, do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, falará sobre a importância da gestão de dados para o aprimoramento de políticas públicas, e Pere Navarro, ex-diretor geral de Tráfego da Espanha, especialista e consultor em mobilidade e segurança rodoviária, com vasta experiência em resultados exitosos na Espanha e Marrocos, que trará o case espanhol de redução de acidentes em rodovias.

No campo dos desafios, Elvis Granzotti, gerente de operações da Arteris, apresentará os resultados da pesquisa de observação sobre o comportamento de motoristas em rodovias. Sergi Loughney, Diretor da Fundação Abertis, falará sobre o programa Zero Acidentes.

O momento destinado à inovação terá a contribuição de Flávio Lima, Diretor de Engenharia e Inovação para América Latina da Renault, que abordará a tecnologia dos automóveis orientada à segurança no trânsito. Roberto Celestino, Gerente de Inovação da Everis, vai tratar de como a inovação pode promover a segurança. Pablo Foncillas, Especialista em Marketing, apresentará como abordagens inovadoras podem favorecer a mudança de comportamento. David Braunstein, Presidente do Together for Safer Roads (TSR), a principal coalização global de grandes companhias privadas comprometidas com a redução de acidentes, tratará das soluções de inovação em favor das parcerias pela segurança viária.

A participação do jovem como agente disseminador da causa em suas comunidades ganhará espaço no Fórum por meio da apresentação de um grupo de adolescentes representantes dos municípios atendidos pelas concessionárias Arteris. Eles apresentarão um manifesto para a segurança no trânsito.

Case - Autopista Régis Bittencourt registra redução significativa de acidentes e de vítimas fatais

A Autopista Régis Bittencourt é o principal eixo de ligação terrestre entre as regiões Sudeste e Sul do País, além de principal rota comercial da região e porta de entrada e saída para o Mercosul. Por dia, cerca de 127 mil veículos trafegam pela rodovia. Pistas simples, retornos em nível, curvas sinuosas e a imprudência de motoristas, no passado, contribuíram para a manutenção de números elevados de acidentes.

Um compromisso pela vida, norteado por investimentos em obras de melhoria viária e de reforço de segurança ao usuário, em tecnologia e inovação, em parcerias e ações de comunicação e de sensibilização, permitiu que os acidentes registrados na Autopista Régis Bittencourt fossem reduzidos de forma progressiva entre 2010 e 2016, de modo que a concessionária atingisse, voluntariamente, a meta da ONU, de reduzir em 50% o número de fatalidades no decorrer da atual década.

“Um longo percurso ainda precisa ser percorrido para preservar vidas. A meta que perseguimos é a de zero fatalidades. Mas, para isso, sabemos que todos os envolvidos com o trânsito precisam contribuir para a mudança desse cenário”, afirmou Nelson Bossolan, diretor-superintendente da Autopista Régis Bittencourt.

O gestor da Régis Bittencourt afirma que as concessionárias precisam, cada vez mais, assumir como um compromisso e desenvolver obras, tecnologias e formas inovadoras de lidar com cada via. “A indústria automobilística precisa, cada vez mais, produzir veículos mais seguros; e os condutores, pilotos, ciclistas e pedestres precisam tomar consciência de que atitudes imprudentes colocam sua própria vida em risco e também dos demais usuários”.

Pesquisa - Motoristas têm conduta imprudente em rodovias

PROGRAMAÇÃO

08h30 Welcome coffee

09h15 Abertura. David Díaz, presidente da Arteris

09h30 Pere Navarro. Como a Espanha reduziu pela metade os acidentes viários

09h50 Movimento Paulista de Segurança no Trânsito. Silvia Lisboa apresenta. Gestão de dados a serviço das políticas públicas