Índice ABCR
aguarde... carregando dados para apresentação
São Paulo seta

SÃO PAULO

Em São Paulo, o Índice ABCR de atividade de fevereiro registrou retração de 0,1% na comparação com janeiro, considerando dados livres dos efeitos sazonais. O índice que mede o fluxo de veículos nas estradas concedidas à iniciativa privada é produzido pela Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias em conjunto com a Tendências Consultoria Integrada. Nessa mesma base de comparação, o fluxo de veículos leves nas estradas paulistanas caiu 0,4%, enquanto o fluxo de veículos pesados registrou avanço de 1,6%.
 
Na comparação fevereiro/2017 sobre fevereiro/2016, o índice total de São Paulo apresentou queda de 3,9%. Nessa mesma base comparativa, o fluxo de veículos leves e pesados caiu 3,3% e 6,1%, respectivamente.
 
Nos últimos doze meses, o fluxo total de veículos nas rodovias concedidas de São Paulo recuou 3,7%. Considerando essa mesma base de comparação, o fluxo de veículos leves declinou 3,0% e o de pesados 6,0%.

No acumulado do ano (Jan-Fev de 2017 sobre Jan-Fev de 2016), o fluxo total de veículos acumulou retração de 2,1%. O fluxo de veículos leves recuou 1,5%, enquanto o fluxo de pesados teve queda mais intensa, de 4,3%.

Período Leves Pesados Total
Fevereiro/17 sobre Fevereiro/16 -3,3% -6,1% -3,9%
Fevereiro/17 sobre Janeiro/17 c/ ajuste sazonal -0,4% 1,6% -0,1%
Últimos doze meses -3,0% -6,0% -3,7%
Acumulado no ano (Jan-Fev/17 sobre Jan-Fev/16) -1,5% -4,3% -2,1%

 

 

  

  

 

 

 

         

 

 

 

 


Fluxo Nacional
Faça o download da planilha completa da consultoria Tendências, que contém a série histórica dos dados.
Mais Informações
Andrea Lie
Telefone: (11) 3169.9310 andrea.lie@mslgroup.com

Diego Lima
Telefone: (11) 3169.9314 diego.lima@mslgroup.com