Índice ABCR
aguarde... carregando dados para apresentação
Índice ABCR seta

Índice ABCR sobe 0,5% em março

Fluxos de veículos leves expandiu 0,9% e pesados recuou 1,2%  

São Paulo, 10 de abril de 2019 - O índice ABCR de atividade referente a março de 2019 apresentou alta de 0,5% no comparativo com fevereiro, considerando os dados dessazonalizados. O índice que mede o fluxo pedagiado de veículos nas estradas é construído pela Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias juntamente com a Tendências Consultoria Integrada.

Mantida a comparação mensal dessazonalizada, o índice de fluxo pedagiado de veículos leves expandiu 0,9%, enquanto o fluxo de pesados recuou 1,2%. “Os resultados dos indicadores de fluxo seguem afetados pela mudança da data do feriado de carnaval deste ano em relação ao anterior, o que afetou o número de dias úteis nos últimos dois meses comparado a 2018”, explica Thiago Xavier, analista da Tendências Consultoria. “ Ao se retirar os efeitos de calendário, notamos que tanto o índice total como suas aberturas registraram expansão no terceiro trimestre, o que converge, em linhas gerais, com o ritmo ainda muito moderado de retomada da atividade econômica”, pondera Thiago.

Dessa forma, no acumulado do ano, houve expansão de 1,2% do índice total, dinâmica que reflete o crescimento totalizado tanto por leves como pesados, os quais acumulam ganhos de 0,7% e 2,7%, respectivamente.

 

Período Leves Pesados Total
Março/19 sobre Março/18   1.7% -3.3% 0.4%
Março/19 sobre Fevereiro/19 c/ ajuste sazonal 0.9% -1.2% 0.5%
Últimos doze meses -1.5% 1.2% -0.9%
Acumulado no ano (Jan-Mar/19 sobre Jan-Mar/18) 0.7% 2.7% 1.2%
?

Fonte: ABCR e Consultoria Tendências

 

 

 

 

Nesta edição, a composição das praças de pedágio que geram o Índice ABCR foi atualizada.

 


Atualização do Índice ABCR

O índice ABCR de atividade foi construído com o objetivo de apresentar informações sobre o fluxo de veículos nos pedágios das rodovias sob concessão. O indicador foi criado em 2002, a partir da parceria entre a Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) e a Tendências Consultoria Integrada.

Historicamente, o índice se mostrou um importante instrumento para mensurar o desempenho da economia brasileira. Em linhas gerais, a racionalidade econômica subjacente é que o tráfego de veículos nas estradas está estreitamente relacionado ao desempenho da atividade econômica – seja com a dinâmica setorial, como indústria, comércio e serviços; seja com as decisões de consumo das famílias.

A divulgação mensal e no início de cada mês, regularmente ao dia 10, permite que o indicador seja um dos primeiros índices a apresentar informações recentes sobre a economia brasileira na atualidade.

A importância do Índice ABCR foi ampliada com sua incorporação no cálculo do Produto Interno Bruto (PIB-IBGE) em 2012.  O desempenho do fluxo de veículos leves é considerado no cálculo da atividade de Serviços de Transporte, armazenagem e correio.

Anualmente, ocorrem atualizações na base do índice, quando há exclusões de concessionárias e/ou praças, ou incorporação de novas concessionárias e/ou praças que possuem, no mínimo, dois anos de existência.

Nesse ano, foram incorporadas as seguintes concessionárias: Tamoios e ViaRio. Por outro lado, foram excluídas: ViaRondon, Viapar, Concepa, Cart, Via 040, LAMSA e CLN. A atualização também contou com a checagem de todos os dados fornecidos nos meses anteriores, em virtude de correções eventuais, divulgadas fora de prazo. Além disso, a natureza da cobrança (uni ou bidirecional) também foi revisitada.

Também consta na atualização o encerramento do contrato da Vianorte. Neste caso, as praças dessa concessionária agora são de responsabilidade da Entrevias.

Os quadros 1 e 2 apresentam, respectivamente, as 51 concessionárias que compõem atualmente a base do índice e as novas praças que foram incorporadas na atualização de 2019.


 

Quadro 1 : Composição atual do Índice ABCR de Atividade

 

Quadro 2 : Praças adicionadas na atualização de 2019 

 

  

Quadro 3 : Praças excluídas na atualização de 2019

 

Resultados

BRASIL

Após a atualização, os números índices originais apresentaram ligeira alteração a partir de julho de 2016, quando os registros relativos às novas praças incorporadas e as que deixaram o índice são considerados. 

A atualização provocou mudanças muito marginais no desempenho histórico do indicador, menor quanto mais antigo for os dados – em função das menores mudanças.

O quadro 4, a seguir, sintetiza o desempenho do índice ABCR total e de duas aberturas, leves e pesados, antes e após a atualização metodológica, em termos de variação anual.

A principal mudança ocorreu em 2018. A atual estrutura do índice indicou números relativamente melhores do fluxo pedagiado e suas aberturas, embora não altere o quadro qualitativo e a dinâmica apresentada no ano.

 

Quadro 4: Variação média anual para o Brasil

      * Média de janeiro a fevereiro de 2019/Média de janeiro a fevereiro de 2018

 

ÍNDICES ESTADUAIS

A divulgação do índice ABCR inclui o desempenho regional para os seguintes estados: São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná.

Como as praças recém-incorporadas ao índice estão nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro (vide quadro 2), a série histórica do índice total e desagregações (leves e pesados) destes estados também apresentaram pequenas alterações, com a atualização de 2019. Os quadros, abaixo, apresentam a variação anual dos índices nos últimos anos antes e após a atualização. 

 

Quadro 5 : Variação média anual – São Paulo

* Média de janeiro a abril de 2019/Média de janeiro a abril de 2018.

 

Quadro 6 : Variação média anual – Rio de Janeiro

* Média de janeiro a fevereiro de 2019/Média de janeiro a fevereiro de 2018.

 

Quadro 7 : Variação média anual – Paraná

* Média de janeiro a fevereiro de 2019/Média de janeiro a fevereiro de 2018. 

 

*** 

Responsáveis técnicos: 

Alessandra Ribeiro 

Thiago Xavier 

Lucas Souza


Faça o download da planilha completa da consultoria Tendências, que contém a série histórica dos dados.
Sobre o Índice ABCR

Informações sobre o método de calculo do Índice ABCR.


Mais Informações

Weber Shandwick Brasil
imprensaabcr@webershandwick.com
Telefone: (11) 3027-0200
www.webershandwick.com.br
Av. Eng. Luiz Carlos Berrini, 1297 - 3º andar - 04571-010 - São Paulo, Brasil


Assessores:

Henrique Gonçalves
Telefone: (11) 3531-4972
hgoncalves@webershandwick.com

Mauro Barreto
Telefone: (11) 3027-0274
mbarreto@webershandwick.com